Venha participar do nosso evento.

Evento gratuito!

Blog

O que esperar de 2022?

O ano está só começando. Muita gente já fez o planejamento de como chegar a seu objetivo neste ano. Volta total ao presencial; arrefecimento da pandemia: nada é certeza ainda (mesmo que, no momento, ao menos as aulas presenciais tenham voltado). E isso nos lembra de que a vida é impermanência. Por isso, perguntamos a algumas alunas da MindKids: “O que você espera de 2022?”.

As respostas, que você confere a seguir, inspiram a uma reflexão sobre o que cada um de nós pode criar para este ano que está começando:

 

Investimento no professor

Gina Carla da Costa Lima é professora de inglês e artes das redes pública e particular na Bahia. Ela dá aulas para alunos do EJA, Fundamental II e Ensino Médio. Sua experiência em 2021 foi desenvolver um olhar diferenciado para as tecnologias digitais, que se tonaram tão importantes no contexto da pandemia, para que pudéssemos nos comunicar e continuar trabalhando.  “Aprendi a entrar no mundo do aluno, dos games. Tudo para transformar a educação e não perder o aluno”, afirma.

Logo que as aulas presenciais voltaram, ela percebeu muita insegurança e ansiedade nos estudantes, não só quanto á pandemia, mas quanto à própria volta ao aprendizado presencial. “Nesse contexto, Mindfulness foi mágico”. Sua expectativa para este ano de 2022 é que os gestores entendam a importância e invistam mais, comprometendo-se em capacitar o corpo docente para o uso das tecnologias. “O professor tem que ser um eterno aluno, aprendendo sempre. E precisa ter apoio para isso”, acredita.

 

Escolhas saudáveis

Conceição Aparecida Simão de Almeida é psicóloga e professora da disciplina “Mindfulness como Estratégia na Estimulação Infantil”, na pós-graduação em Reabilitação e Estimulação Neuropsicológica Infantil na Incantato – Instituto Suassuna, em Goiânia, Goiás. Em 2021, ela retomou o trabalho, ainda que virtualmente, fez cursos e tornou-se voluntária em uma ONG, ministrando a matéria “Autoconhecimento e Meditação”. “Em 2021, aprendi muito a viver sem grandes expectativas. Em Mindfulness, aprendemos a olhar o presente e trazer o passado e futuro para este único que existe em nossas vidas. E viver o presente, momento a momento, foi a grande lição. Fazer escolhas saudáveis a partir do que considero importante para o bem-estar pessoal, familiar e profissional, sem a preocupação do fazer, mas do sentir. Tudo pode mudar a qualquer momento. Vivemos na impermanência. Assim, escolhendo e planejando o futuro sem expectativas. É um aprendizado diário. E para isso a prática do Mindfulness é fundamental para alcançarmos esse estado de ser”, afirma.

Com isso, ela entende que em 2022 será possível fazer escolhas melhores e compatíveis com os insights e reflexões a cada momento de consciência, “não se deixar levar pela correria do dia a dia – sair  do automatismo”. E levar esse conhecimento para a sala de aula. “Aprendi no treinamento de Mindfulness que é essencial ensinar o que se vive”. Quero fazer isso se tornar parte integrante da minha atuação profissional. E nesse sentido a MindKids tem ajudado a levar para aos alunos o conhecimento de se manter consciente, presentes, desenvolver empatia e compaixão para consigo e os outros. O programa é apresentado de forma estruturada, isto é, para cada faixa etária de crianças e adolescentes. “Fantástico”, comemora.

 

Autoconhecimento

Giselle dos Santos Silva Baêta Neves é de São Paulo, capital. Até 2021, atuava no ambiente corporativo, em grandes empresas. Hoje, é proprietária do ateliê Coletânea Zen, no qual ela mesma faz as japamalas, acessórios e peças decorativas feitas de materiais naturais, como pedras e madeira. Finalizando sua formação como instrutora de Meditação e Mindfulness, ela conta que em 2020 começou a “buscar uma maneira mais efetiva de conciliar todos os meus diversos papéis (mãe, esposa, filha, profissional etc) e buscar o tão sonhado ‘equilíbrio’ – que pra mim estava bem longe naquele momento”.

Ao ver o longo tempo em que o filho adolescente passava em frente às telas (videogame, celular, computador), passou a tentar inserir a meditação no dia a dia dele. Com a formação da MindKids, viu “uma grande mudança acontecer no relacionamento” entre eles, a começar por uma conexão com o filho mais real e genuína. Ele passou a se interessar mais por esportes e ela, a ser mais assertiva, ao mesmo tempo em que também, mais tranquila.

Para 2022, Giselle pretende espalhar seu conhecimento. “A minha expectativa para 2022 é a de levar as práticas para crianças e adolescentes, o mais cedo possível, seja em ambiente escolar ou de forma individualizada.  Acredito que, o quanto antes eles tiverem contato com as práticas, poderão fazer escolhas mais conscientes e lidar de forma mais inteligente e assertiva com o seu mundo emocional, desenvolvendo o autocontrole e o autoconhecimento”.

 

Desapego

A terapeuta holística de pets Lorena Martins Cruz, do litoral de São Paulo, diz que aprendeu muito em 2021. “Uma das coisas que mais aprendi (e isso me trouxe paz) foi sentir que tudo na vida é impermanente (coisas boas e ruins) e que eu tenho controle apenas da forma como vou responder às situações”. Segundo ela, Mindfulness é uma das atividades em que ela mais mantém constância e que mais gosta de praticar. “Vi como isso transformou a forma como reajo às coisas”.

Sobre 2022, ela afirma não fazer muitas expectativas. “Estou praticando o desapego. Faço minha parte se for para chegar até mim, tudo bem; senão, tudo bem também”. Mas, mesmo sem expectativas, pretende estar ainda mais “mergulhada em Mindfulness” e mostrar esse “oceano” que é o Mindfulness – como ela define – a outras pessoas. “Sinto que este ano me fará crescer muito, não apenas pessoalmente, mas também bastante profissionalmente”.

Sim, 2022 está só começando e muitos serão os desafios e as surpresas que trará. Mas é importante estarmos preparados, encarando o futuro sem ansiedade ou expectativa, e sabendo o que está sob nosso controle fazer. E você, o que espera de 2022?

Procurando por algo?

ÚLTIMAS POSTAGENS

Gostaria de adotar essa prática em sua escola?
Veja aqui como a MindKids pode te apoiar!